8.2.12

Geração agricultora

Os jovens que queiram dedicar-se a agricultura em Portugal, que devem ser muitos (ironia), mas não tem terrenos, vêm agora uma luz ao fundo do túnel. Em meados de Abril será lançado um concurso público para obtenção de metros de terreno, que hoje pertencem ao estado, para cultivar, garante Assunção Cristas (Ministra da Agricultura, Mar e Ambiente e ordenamento do território).
Esta "bolsa de terras" consiste em mais de 3 mil hectares espalhados por todo o país e poderão também ser usados por parcelas confinantes.
A proposta consiste ainda em aumentar os hectares já disponíveis, com terrenos particulares ao abandono onde os proprietários são "convidados" a  colocar os terrenos nesta plataforma de concurso com o beneficio de verem os impostos de imóveis rurais diminuídos.
Não é novidade para ninguém que os terrenos em Portugal são férteis e podem (e devem) constituir uma fonte de rendimento e desenvolvimento para o país fazendo o nosso produto, que já é respeitado em vários mercados estrangeiros, chegar em melhor e maior quantidade e qualidade.
Bom, fiquem atentos e comecem já a idealizar o vosso projecto! Sim, porque agricultura não é vergonha para ninguém, e nos jovens, apesar de não estarmos acostumados ah, podemos ver um futuro risonho nessa área, baste espirito criativo.
Há muito tempo que não via uma medida tão bem tomada, como esta, em governação portuguesa, mas agora resta saber as condições do concurso!


Comentários
0 Comentários

Sem comentários:

Enviar um comentário

Comenta aí que eu vou amar saber que você está desse lado...=D

Fan Page