6.6.12

Dinheiro branqueado

Algum tempo atrás prometi a mim mesma que iria deixar de ler jornais e dar importância a qualquer notícia política que estes (portugueses) publicassem, a verdade é que não consigo. Todos os dias espreito os jornais para descobrir qual a "anedota" do dia hoje não consegui ficar calada.
Já lá vão umas semanas que não faço nenhuma reflexão política, mas a verdade é que ouço tantas queixas e tantos "tá mau, tá mau" e de pessoas que na hora da "cruzinha" foram lá mete-la que já não dou crédito a queixas que leio e que me chegam aos ouvidos. De qualquer forma, hoje li uma noticia, que na verdade já foi jogada ao ar ontem, que literalmente fez com que a minha digestão parasse (e olhem que é difícil): "Governo dá 4 mil euros por jovem"- este era o grande título. Ao ler isto pensei: "Porreiro, deve ser algum subsidio para os jovens investirem no país, algum fundo de apoio a novas empresas aliciantes e que realmente ajudem o nosso Portugal a sair do buraco... mas deixa cá ver o que diz!". Pois é pessoal, não é nada disso; o governo simplesmente irá dar 8 meses de ordenado a jovens no âmbito de estágios remunerados. Entre inúmeras "peneiras" mais proferidas por este senhor, que quem estiver interessado pode ler em qualquer manchete de jornal português, a ideia é que "as empresas produzam postos de trabalho qualificados e duradouros" (palavras proferidas pelo ministro dos assuntos parlamentares, Miguel Relvas), e mais umas medidas idiotas com nomes bonitinhos.
Ora bem, a zona do país que será abrangida por este "Fundo Salvador dos Jovens" (ironia) será Norte, Centro e Alentejo, cuja escolha não está bem esclarecida.
O programa designado por "Impulso Jovem" foi hoje discutido num conselho de membros composto por: Miguel Relvas, Hélder Rosalino, Alexandre Mestre, José Diogo Albuquerque, Marco António Costa... entre outros. Vamos lá ao historial destes senhores? Vamos...
Agora é o seguinte, alguém acredita que este dinheiro vai resolver alguma coisa? Passados os 8 meses como é que fica? Alguém sabe em que empresas irão abrir estes estágios? Se nas empresas cujo governo tem ligação (e assim se branqueia dinheiro), ou qualquer uma (pequena média empresa privada) pode concorrer?
Pois é pessoal, é muito fácil iludir o pobre mas é preciso saber quem vai realmente lucrar com isto tudo!
Entenderam a "deixa" ou são precisos mais esclarecimentos? Comentem....



Comentários
0 Comentários

Sem comentários:

Enviar um comentário

Comenta aí que eu vou amar saber que você está desse lado...=D

Fan Page