7.4.13

Transparências - Como usar?

Rélou meninas!

Final de "findi" já a porta e aquele sentimento de passar o domingo deitada no sofá assistindo filme e comendo pipoca já tomou conta de mim =D

Mas hoje resolvi falar-vos de um assunto que talvez vos interesse: Transparências! Ontem saí de casa e deparei-me com elas em força nas ruas. Mas vi cada coisa por aí que me assustou um pouco. Por isso, hoje resolvi falar sobre elas... Acho que tem muita gente por aí precisando ler isto...=D

As transparências têm sido uma grande constante destas novas coleções... Quer em saias, camisolas, blusas, tops, vestidos e até mesmo casacos, elas vieram contudo e já se tornaram as queridinhas das "it girls" por esse mundo a fora!
Existe uma linha (parece o anúncio da zon fibra né?) bem ténue entre o chique e o "brega" que facilmente é ultrapassada! Então, existem algumas regras para usar a transparência sem errar...=D Querem saber como?

Saibam tudo agora... =D

1) Ressaltar e esconder:

O uso da transparência vai chamar atenção na zona do uso. Assim, escolham locais estratégicos para usá-la! Barriguinha firma, optem por camisa, peito bonito (não entendam tamanhos grandes) escolham decotes, perna elegante escolham saias e por aí vai... Esta é a primeira regra na hora de comprar a peça.


2) Atenção ao exagero:

As transparências não devem ser usadas em demasia. Optem por apenas uma peça na hora de montarem o vosso look.  Isto vale para os vestidos. Na hora de usar o vestido, escolham transparências mais fechadas e completem com um blazer ou casaco para esconder o que estiver a mais..=D Eu acho difícil alguém usar duas peças transparentes (é preciso ser muito sem noção né?), mas refiro-me neste ponto a apelarem a alguma descrição. Se, por exemplo, vocês escolheram um camisa transparente, não a usem com os shorts ou saia muito curtos e justos. Optem por peças compridas ou com mais tecido.



3) Equilíbrio:

Como a peça transparente tem a sua conotação provocativa, uma boa forma de contornar a situação é contrabalançar com uma peça mais discreta, largada ou de estilo oposto. Vejam os exemplos abaixo:


No primeiro caso a saia rendada e transparente foi combinada com uma regata super descolada. Misturou dois estilos bem diferentes e que combinaram na perfeição. No segundo caso, a camisa transparente é usada com um short bem "princesinha", a mistura do provocativo com o inocente ficou ótima. O terceiro caso vai para as meninas mais vintage. Eu achei o máximo o uso da camisa com uma bermuda bem in (as riscas). Aqui ficam duas grandes tendências misturadas e muito bem misturadas. No último caso, temos mais uma camisa, mas desta vez com uma saia oncinha de corte godê. Estas saias são ótimas opções, porque, além de elegantes, a grande quantidade de tecido equilibra muito bem com a parte de cima mais "desnuda". O chapéu deu um excelente toque final.

4) Fuja das peças justas

Este é um erro bem comum. Peças de transparência total e justas, sempre... SEMPRE dão um ar vulgar. Se quer peças justas, opte por um transparente mais discreto (só costas ou decote). De resto, as peças mais "larguinhas" são a opção mais acertada e sem risco.


E pronto meninas, é isto... Seguindo estas dicas, podem usar e abusar das transparências =D

E agora para ver se entenderam bem a lição, aqui fica um pequeno teste: onde é que estas meninas erraram...? (=D)



Deixem os vossos comentários...

Gostaram das dicas?
XO
*Nazaré*
Comentários
0 Comentários

Sem comentários:

Enviar um comentário

Comenta aí que eu vou amar saber que você está desse lado...=D

Fan Page