30.9.13

O perigo da indústria de cosméticos

Shampoo, condicionador, máscara, cremes hidratantes, desodorantes, bases, pós, corretivos, batom, rímel e perfumes... Estes são alguns dos produtos que uma mulher carrega diariamente em seu corpo.

Em tempo de cultivo de beleza, que eu sou completamente a favor das ruas mais bonitas (mas sem exageros, é claro =D) as penteadeiras das mulheres recebem um novo produto a cada semana. Estou certa ou errada, meninas? Mas algumas vez vocês pararam para se questionar de que é que cada um deles é feito? Pois é... Eu nunca tive a mania de olhar ingredientes, sempre escolhi o batom pela textura e cor... E pronto...

Mas depois de ler a matéria na Super Interessante acerca desse assunto, repensei o meu modo de agir enquanto encho o meu carrinho na perfumaria (física ou online).

O primeiro princípio da indústria é a velha máxima de nada se perde, tudo se transforma. Esta é a melhor forma de garantir ganho quase absoluto na venda dos produtos. E eu apoio essa medida na totalidade. Mas e quando isso implica uso de restos animais para fabricar cosméticos? Pois é, meninas... Vejam a imagem abaixo:


Resumindo para vocês, no que toca a indústria de cosméticos:

Cérebro de boi: batom
Ossos: Colágeno
Gordura: batom, perfume, pasta de dentes, shampoo, sabonete, filtro solar;
Placenta: Creme para a pele, anti-idade, etc...


Mas vocês quer saber de mais alguns ingredientes estranho que os cosméticos podem conter? Olhem só:


Cochonillas: Inseto parasita que quando esmagado contem um pigmento vermelho, bem forte, que é usado como corante em batons vermelhos.


Ambergris: Substância gerada no sistema digestivo de baleia (secretada por vômitos ou fezes) que é usada em perfumes caros, como o Nautica Oceans. Grandes pedaços de vômito/fezes de baleia flutuam no oceano durante anos e absorvem o cheiro do mar (normalmente encontrados nas praias da América do Sul ou da Austrália).


Guanine: material cristalino que produz um efeito de brilho ou difusão de luz e é retirado das escamas de peixe. É usado, principalmente, nos esmaltes holográficos e máscaras para cílios, mas também na formulação de produtos de banho, de limpeza, fragrâncias, shampoos e condicionadores, batons e cremes para a pele.



Prepúcio de Bebê: muitas empresas, incluindo Skinmedica e Vavelta usam prepúcio de bebê, retirado após a circuncisão, em seus cremes anti-envelhecimento e anti rugas. As células no interior do prepúcio são ricas em fibroblastos dérmicos humanos (FDH), que criam o colágeno. Isso faz do prepúcio um ingrediente ideal para um creme anti-rugas ou soro injetável;



Esperma humano: Espermina é um poderoso anti-oxidante que o esperma humano possui. É considerado de grande eficiência na redução de rugas e também torna a pele mais lisa. A revista New York publicou um artigo sobre esse tratamento de beleza controverso, bizarro e estranho. De acordo com o artigo, Moradia Spa oferece tratamento espermina em que o creme é aplicado sobre a pele e, em seguida, utiliza-se a luz infravermelha para ajudar o produto penetrar a barreira lipídica. O tratamento custa cerca de R$480,00 e leva para 10 minutos. A empresa norueguesa chamada Bioforskning vende produtos a base de esperma no mercado de cosméticos;

Sebo: os animais que morrem na estrada viram maquiagem para olhos, batons, bases, shampoos, produtos para barbear, hidratantes e outros produtos de cuidados com a pele. O Tallow ou Sebo, que é frequentemente encontrado em vários desses produtos, é feito da gordura animal, em que eles precisam ferver as carcaças para criar essa gordura. Os animais mortos que são usados para fazer o sebo vêm de várias fontes diferentes, incluindo  laboratórios, matadouros, jardins zoológicos, abrigos, e até atropelamentos.


Em alguns casos, até podemos aceitar a máxima "Nada se perde, tudo se transforma" mas eu acho inaceitável em grande maioria. Usar carcaças de animais mortos então, é o fim da picada.

Mas sabem que existem vários problemas que advém da utilização de certas substâncias. Por exemplo, no caso das cochonillas, o problema é bem cabeludo. O que começou como uma pequena "plantação" desta bactéria, supostamente controlada, virou uma praga em Pernambuco. Consequência, a Palma, que seria o único alimento dos animais naquela região de estiagem, desaparece a cada dia, já que cochonilla se alimenta da seiva do cato, que por consequência acaba por secar. Conclusão, centenas de carcaças mortas e criadores de gado a perderem dinheiro a cada dia.

Deixo uma reportagem abaixo, mas alerto para que pessoas mais sensíveis não assistam...




Outra questão importante a levantar é que, além destes ingredientes bizarros utilizados na industria cosmética, muitos outros ingredientes compõem a receitas destes "bolos" explosivos. Grande maioria deles são tóxicos e até cancerígenos.
Para piorar, não existe nenhuma legislação que proíba o uso destas substâncias nos cosméticos, apenas um limite de concentração. Mas agora, vejamos... Eu uso em média, 15 produtos de beleza por dia (shampoo, condicionador, máscara, creme hidratante, desodorante, perfume, base, corretivo, pós, rímel, sombra, eyeliner, batom, demaquilante, tônico e creme noturno). Mesmo se todos eles respeitarem as concentrações permitidas por lei, eu estou a usar cerca de 15 vezes do que o permitido e aconselhável pelos órgãos de saúde.


VOCÊ JÁ TINHA PENSADO NISSO?

Vê agora um pequeno vídeo à cerca da história dos cosméticos, por Annie Leonard, que levanta algumas questões importantes:



Mas agora coloca-se a grande questão: COMO ESCOLHER OS MEUS COSMÉTICOS?

No site da Campaign for Safe Cosmetics também é possível encontrar informações importantes sobre marcas de cosméticos e elementos tóxicos em produtos de beleza que vão de esmaltes a perfumes – ele é voltado para produtos norte-americanos, mas muita coisa também serve para nós, brasileiros (e portugueses) como grandes consumidor de importados.

Para vos ajudar ainda mais, deixo uma listinha bem básica de substâncias a evitar na hora de comprar cosméticos:

1) Parabenos (Metil, Propil, Butil e Etil): Utilizados para inibir o crescimento microbiano e para prolongar a durabilidade dos produtos. Estudos demonstraram que são ligeiramente estrogénicos e podem ser absorvidos pelo corpo através da pele. São largamente utilizados apesar de serem conhecidos como tóxicos.

2) Dietanolamina (DEA), Trietanolamina (TEA): Utilizados habitualmente, nos cosméticos, como emulsionantes e/ou agentes produtores de espuma. DEA e TEA são “aminas” (compostos a partir da amónia) e podem formar nitrosaminas causadoras de cancro quando em contacto com nitratos. São tóxicos se absorvidos pelo corpo prolongadamente.

3) Diazolidinil Ureia, Imidazolidinil Ureia: São amplamente utilizados como conservantes. “The American Academy of Dermatology” considerou-os a causa n.º 1 das dermatites de contacto. Dois dos nomes registados para estes químicos são Germall II and Germall 115.

4) Lauril/Laureth Sulfato de Sódio: Um detergente agressivo e barato utilizado em shampoos pelas suas propriedades de limpeza e de produção de espuma.

5) Petrolatum: Também conhecido como geleia de petróleo, este óleo mineral derivado é utilizado nos cosméticos pelas suas propriedades emolientes. Não tem qualquer valor nutritivo para a pele e pode interferir com os mecanismos naturais de hidratação do corpo, levando a pele à desidratação e a gretar. Os fabricantes usam petrolatum porque é incrivelmente barato.

6) Propileno Glicol: Idealmente é uma glicerina vegetal combinada com álcool de cereais, sendo ambos naturais. Habitualmente é uma combinação petroquímicos sintéticos utilizados como humidificantes. É conhecido como causador de reacções alérgicas, urticária e eczemas. Quando vir PEG (polietileno glicol) ou PPG (polipropileno glicol) num rótulo, tenha cuidado, pois são produtos químicos sintéticos idênticos.

7) PVP/VA Copolímero: Um produto químico derivado do petróleo utilizado em sprays de cabelo, produtos para pentear e outros cosméticos. Pode ser considerado tóxico pelo facto de as partículas inaladas poderem danificar os pulmões de pessoas com sensibilidade.

8) Cloreto de Benzildimetil (octadecil) amónio – Stearalkonium chloride: Um composto de amônia utilizado em amaciadores de cabelo e cremes. Desenvolvido pela indústria dos tecidos como um amaciador de tecidos, sendo muito mais barato e fácil de usar, em fórmulas de amaciadores de cabelo, do que proteínas e extractos de ervas os quais são benéficos para o cabelo. Tóxico.

9) Cores sintéticas: Usadas para fazer os produtos cosméticos parecerem “bonitos”, as cores sintéticas, assim como colorantes sintéticos para o cabelo, devem ser evitados a todo o custo. Estas são rotuladas como FD&C ou D&C, seguidas por uma cor e um número. Exemplo: FD&C Red No. 6 / D&C Green No. 6. Muitas cores sintéticas podem ser cancerígenas.

10) Fragrâncias Sintéticas: As fragrâncias sintéticas utilizadas em produtos cosméticos podem ter cerca de 200 ingredientes. Não existe forma de saber quais são os produtos químicos que as compõem, porque nos rótulos só vêm descritas como “fragrâncias”. Entre os problemas provocados por estes químicos estão dores de cabeça, tonturas, irritações, hiperpigmentação, tosse forte, vômitos, irritação cutânea – e a lista continua. Conselho: Não compre um produto cosmético que tenha a palavra “fragrância” no rótulo.


Bom meninas.. E acho que me alonguei demasiado né? =D Mas eu acho que é importante todas nós (homens incluídos) estarmos a par de todos os malefícios que esta indústria pode provocar. Leiam os rótulos e procurem produtos verdes...=D

Espero que este post tenha sido útil para vocês.
Deixem comentários...

XO
*Nazaré*


Comentários
4 Comentários

4 comentários:

  1. Gostei! Bem interessante mesmo...
    Bjs Fernanda

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Oie Fernanda... Na hora de montar este extenso post pesquisei bastante e fiquei surpresa com inúmeras coisas, que acabei citando nele, e que nunca tinha parado para pensar sobre o assunto! Não sou do tipo que pira com tudo e fica lendo todos os rótulos, mas quando se trata de saúde é preciso cuidado redobrado, né? Fico muito contente por você ter curtido e espero que tenha sido bem útil...=D Beijão e continue passando por aqui...=D *Nazaré*

      Eliminar
    2. Fofinha! Vc é bem atenciosa! Vou passar sim! Não conhecia aqui, já salvei nos meus favoritos. Beijos Fernanda

      Eliminar
    3. Obrigada querida! Se você tiver Face, dá um like na página aqui do blog... Sempre que tem post novo aqui no blog você saberá por lá em primeira mão...=D Beijo*

      Eliminar

Comenta aí que eu vou amar saber que você está desse lado...=D

Fan Page